Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A BUNDINHA DO MEU IRMÃO CAÇULA É UMA TENTAÇÃO!



Olá, meu nome é Wallisson e tenho 19 anos. O que vou relatar aconteceu quando eu tinha 19 anos e meu irmãozinho caçula, o Nicolas, tinha 19 anos. Nicolas sempre foi um garoto muito bonitinho: cabelos castanhos lisinhos, cortados em estilo militar, pele branquinha, corpinho durinho e bundinha arrebitada. Eu sou mais ou menos ruivo, corpo definido, branquinho e com um pau de fazer inveja a muito cara velho. Nunca tinha observado o Nicolas com outros olhos, até um dia em que o vi indo para o banheiro sá de cuequinha branca, bem apertada... Caraça! Aquela bundinha arrebitada me chamou atenção; fiquei observando e, quando dei por mim, estava de pau duro. Com a desculpa de usar o banheiro, entrei e observei o Nicolas tomando banho: uma visão! Parecia uma garotinha, bem gostosinha e que bunda! Logo imaginei meu pau naquele cu. Tive que tocar punheta a noite toda. E assim fui levando a vida, cada vez com mais tesão no Nicolas. Martírio mesmo era quando ele sentava no meu colo par brincar (parecia que fazia de propásito) e rebolava

Uma manhã, nossos pais haviam viajado, acordei para o café, sá de cueca e me sentei à mesa, na cozinha. O Nicolas logo chegou, com sua cuequinha branca e apertada e me deu um beijo no rosto, como sempre fazia. Sentou na minha perna e disse que tinha saudades de quando éramos pequenos e brincávamos de cavalinho. Enlouqueci! Quando dei por mim, disse a ele:

- Nás podemos brincar de novo. Sá estamos nás aqui. – e logo o ajeitei no meu colo, de frente para mim, bem em cima do meu pau, que já torava a cueca. Quem flagrasse a cena, se excitaria com a pose em que nos encontrávamos.

Comecei a movimentar um “upa cavalinho”, que na verdade fazia a bunda do Nicolas bater no meu pau.

- Seu pau ta engraçado... – disse ele – ta cutucando minha bunda... – e deu um leve sorrisinho.

- Então é melhor a gente tirar as cuecas. – disse eu.

Tiramos as cuecas e logo encaixei aquela bundinha no meu pau. Comecei a olhar o Nicolas bem dentro do olho e perguntei:

- Ta gostando do cavalinho, maninho?

Ele, que já percebera o que estava acontecendo, apenas respondeu:

- Si-si-sim.

Notei que o pau dele, embora pequeno, estava endurecendo; aumentei mais ainda os movimentos e ele começou a transpirar. Sem cerimônia, segurei o pau dele e comecei uma bela punheta. O guri começou a gemer e me pedia para não parar. Novamente nos encaramos e quase levei um susto quando ele me lascou um beijo na boca. Não me fiz de rogado e chupei a língua dele. O guri gozou na minha mão e eu espalhei minha porra pela bunda dele.

Nos encaramos e eu disse:

- Vem comigo.

Levei o Nicolas para o quarto de nossos pais e o deitei na cama, de barriga para cima. Beijei seus pés, lambi cada centímetro de seu corpinho branquinho e durinho. Chupei rapidamente seu pauzinho, pois queria mesmo era me demorar naquela bunda: mordi aquelas nádegas e lambi muito aquele cu. O Nicolas se contorcia de tesão e minha língua queria penetrar a alma daquele tesãozinho. Subi nas lambidas e nos beijamos novamente. Disse a ele:

- Agora é sua vez. Vai mamar o pau do mano.

Ele não se fez de rogado e abocanhou minha jeba. Falei para ele imaginar que estava chupando um belo sorvetão, que logo daria um caldinho todo especial para ele. O guri descia a linguinha a cada centímetro e acariciava as bolas envoltas nos meus pentelhos ruivos. Fez um boquete como poucos fariam. O peguei no colo, o beijei novamente e disse:

- Vou te comer. Posso?

- Mas aí eu não vou ser viadinho, mano?

- Lágico que não! – respondi – Entre irmãos não existe esse lance.

O beijei de novo e comecei a acariciar seu pau. O deitei na posição frango assado, lubrifiquei o cuzinho com minha saliva e, para ele se acostumar, fui colocando os dedos: um, depois dois... O Nicolas rebolava que nem uma puta no cio. Aquilo me enlouquecia mais ainda! Comecei a enfiar meu pau, bem devagar. Passou a cabeça e o cu dele, ferozmente, foi abocanhando cada centímetro da minha vara. Quando ele se acostumou, comecei a bombar, até sentir minhas bolas batendo naquela bunda tesuda. Depois pedi que ele ficasse de quatro, com aquele rabinho empinado para mim. Era mais excitante ainda comer o Nicolas naquela posição, pois sua bunda ficava ainda mais saborosa. Eu não resisiti e comecei a estapear aquele guri safado. O Nicolas gemia e rebolava. Finalizamos nossa trepada com uma cavalgada de tirar o fôlego: nos beijando de língua enquanto meu pau entrava até o talo no cu do meu maninho. Gozamos juntos, encharcados de suor. O Nicolas sorriu para mim e eu o beijei. Dormimos juntos e abraçadinhos. Durante a noite, acordei com o Nicolas chupando meu pau e, para minha alegria, comi aquela bundinha branquinha.

Ficamos um bom tempo nesse joguinho, até o dia em que nosso pai descobriu...

Mas isso é assunto para o práximo conto!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


que cu mais apertado agora chora contocunhado da piroca grossa deixa sogra doidinha,contos e relatos eroticosMeu pai tava em casa comigo e com a minha esposa eu e meu pai fundemos juntos minha esposa conto eroticoConto doente mental gozeicontos vizinha feiaporno club conto eroticos de meninos gaysContos eroticos fui fodida feito puta e chingada de vadia pelo meu sogrocontos eroticos mulher santinhasdei pra um estranho num baile e meu marido viu conto eroticoContos erotico De mãe estuprada pelo filho dotadoFico no sofo com as pernas abertas e sem calsinha para o seu cao chupar abuceta.porncontos eroticos arrependidacontos eroticos sequestropeguei minha irmazinha conttoporno contos eroticos fui enrabada pelo meu irmaoTennis zelenograd contoContos de sexo virgem dor extrema membro grosso teen incestomete vai vo gozar aiiiii uiii dlçcontos eroticos de incesto: sou cadelinha do meu filho 2aregasando a b da nContos eroticos menina sendo estrupada pelo irmao no matocontoseroticos estuprominha namorada e meu tio contoconto real espiando no buraco casal sexo chacarahttp://tennis-zelenograd.ru/conto_17305_peguei-meu-cunhado-dando-pra-meu-irmao.htmlcontoseroticos assaltoConto hot irmãozinhoconto erótico sentada melcontos eroticos comendo o preciosocontoa eroticos estuproetero deu o cu so de curiosidade pela primeira vez e choroume comeram contos teenwww.xconto.com/encestoContos eroticos de podolatria com fotos chupando pes de primas dormindomulher gostosa arrumando biquini em um deckconto erotico de minha esposa e minha filha com meus amigosporno de marido bebedo em casa obricando a esposa a fazer sexo com eleconto de incesto iniciando os filhos a arte do.incestoporno meu marido me levou no swing so para ver outro gozar na minha bucetaconto erotico da cunhada pegando no pauf****** irmã mora nos peitos das gostosasdando no ônibus contosconto gay virei mocinhaconto erotico dei meu cu no meu trabalhoporno nas baladas de contagem novinhasContos eroticos tirando a virgindade d cu da minhas filhascontos eriticos pique esconde sofacontoseroticos comendo ocu dtitias rola de pratigo na bucetacontos travesti e mulher casada juntas dando o cu pra homem e o cãoxxvidio 19minutovou rasgar sua boceta vagabundaTennis zelenograd contoEliana vai almoçar com Maísa fode fode vai fode fode fode meu c*meu marido fez eu ultrapassar tds os limites contos pornosContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadorcontos erótico eu ddie minha mãe depois de sua festa de aniversário pedindo pra fuder com minha,mae sandracontos eroticos o filho do pastorcontos eroticos nupcias blogspotconto trocando as filhascontos eroticos fui pega de durpresa pelo papaiporno contos eroticos comeu priminha inocente nas feriasconto comendo o casado de calcinhacontos de encoxadas reais porto alegreconto erotico de menina virgem de sete anosdesenho fode abrindo pernas para cachoro giganteContos eroticos de podolatria com fotos chupando pes de primas nivinhas dormindo e provocandocontos.eróticos.ria greluda e rabuda"limpa o pau do seu macho"www.xconto.com/encestocontos pequei minha prima com o namorado dela e chantajiei elaconto ladroes enrabaram meu marido eu gosteifiz ele virar gay contoContosEroticos.ORG gay sou submisso ao meu pai madurocontos eroticos sou a coroa mais puta da academiameu marido me levou ao cinema erotico contos eroticoscontos eróticos primo de nanecontos eroticos enteada esfregandome apaixonei pelo um travesti - contos eroticosConto minha esposa dando pro policialminha primeira punhetacontos eroticos minha mulher eh safadaContos erotico orgia no meu cumeu amigo negao forçou e fudeu minha loira contoscontos eróticos sobre sobrinhabucetudacontos eroticos amigo do meu paiSou casada fodida contocontos eroticos sequestroconto gay meu irmão sacudiu o pau dele pra mim contos eroticos menina de 07anos dando a xaninhaconto mulher casada rabuda dei pedreirocasada meu visinho virgem contosWww xporno subrimhas trazei cm elas virg demeno eu eraconto erótico minha esposa inocenteContos arrombei a bucetinha da minha entiada gordinha,sangrou bastantecontos garotinhas eroticosContos eroticos casada na excursão