Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TREPANDO COM O ENTREGADOR DE PIZZAS

Um entregador de pizzas, já tinha me beijado, lambido e chupado a boceta na garagem aqui de casa e que tínhamos combinado que iríamos para o motel juntamente com o meu marido e fomos. Foi numa quinta feira a noite, ele estava de folga e a esposa dele de plantão no posto de saúde onde trabalha como enfermeira. Ele me ligou por volta das nove e meia da noite e eu confirmei que as dez horas, eu e meu marido o estaríamos esperando em um posto de gasolina onde poderia deixar a moto dele. Ás dez horas pontualmente ele chegou. Estacionou a moto e entrou em nosso carro me cumprimentando com um beijo no rosto e dando um boa noite para o meu marido.



Meu lindo corninho antes de ir para o motel resolveu ir até uma conveniência para comprar cigarros, camisinhas, e enquanto isso, eu e ele ficamos dando uns amassos dentro do carro fazendo um esquenta. Eu usava um micro vestidinho azul com uma tanguinha vermelha por baixo, sandálias de saltos altos nos pés e batom vermelho nos lábios combinando com a cor do esmalte das unhas dos pés e das mãos. Ele me acariciava os seios e me beijava gostosamente. Quando o meu marido chegou e nos viu nos amassos ele falou: “Amorzinho, pule pro banco de trás e aproveite que ainda é cedo e vou dar umas voltas pela cidade.” Eu nem acreditei.



Meu maridinho corno rumou para o centro da cidade fazendo questão de deixar o vidro do carona abaixado e enquanto ele dirigia, eu e o Celso, nos esbaldávamos no banco traseiro do carro, que tesão. Meu marido pegou a rua 19 de julho que estava movimentada e se dirigia para a área central de Campo Grande-MS, em velocidade lenta, como querendo que outras pessoas nos vissem naqueles amassos. O Cleso havia se sentado bem no meio do banco traseiro e eu me sentei no colto dele e sentia a sua língua me lambendo os seios com o meu vestido já abaixado. Como eu fiquei com a bunda quase junto do meio dos bancos dianteiros, o meu marido me acariciava nela, que delicia. Quando ele parou no sinal vermelho da rua 19 de julho, esquina com a avenida Afonso Pena, eu me ajeitei e o Celso me tirou a tanguinha, que doideira.



Me recostei na lateral do carro com as pernas abertas e o Celso caiu de boca nos meus joelhos, coxas e boceta, nossa, como ele me chupou gostoso ao mesmo tempo que enfiava o dedo no do meio da sua mão direita no meu cuzinho, que tarado. Quando gritei que tava gozando o meu maridinho me mandou tirar a bermuda dele e chupar o pau dele, eu obedeci no ato. Toda melada com os meu gozo escorrendo pro meu cu, eu me posicionei me deitando no colo do Celso e apás tirar a sua bermuda, deixando ele peladinho, cai de bocas no seu pau e no seu saco com as duas enormes bolas. Do jeito que eu chupava o seu pau eu ainda, apertava as bolas. O Celso gemia e delirava de tesão jogando a sua cabeça para trás enquanto o meu marido me incentivava a chupá-lo bem gostoso. O Celso me falou que tava pra gozar e meu marido me mandou parar de chupa-lo e sem deixar de dirigir e ir me dizendo o que eu tinha que fazer, ele me mandou ficar de quatro pro Celso me meter, foi incrível.



Fiquei de quatro me apoiando no banco do carona da frente e o Celso se posicionou atrás da minha bunda abrindo ela e enfiando a sua língua no meu cu para em seguida, encostando a cabeça do seu enorme e duro cacete nos lábios da minha boceta, aos poucos, de forma carinhosa, ir enfiando aquela delicia de pau na minha xoxota. Quando ele colocou todo o pau dentro da minha boceta, ele me segurou nos quadris e mandou ver com vontade e eu comecei a gemer de tesão a cada estocada que ele me dava e gemia olhando pro meu marido que dirigia calmamente pela avenida Afonso Pena. Eu gemia alto, meu corpo delirava a cada metida forte que o Celso me dava com o seu duro cacetão na minha boceta. Me lembro que quando estávamos passando em frente ao Shopping Center Campo Grande, o Celso me apertou com mais força os quadris e berrou que ia gozar, foi uma loucura. Eu e ele, gemendo feito dois tarados gozamos gostsamente, eu no pau dele e ele na minha boceta, foi uma delicia.



Não demorou e senti a sua porra escorrer pelas minhas coxas e sem demora me virei e comecei a limpar o seu pau engolindo o restante de porra que o seu pau expelia. Quando terminamos de gozar o meu marido que estava enlouquecido de tesão por me ver ser comida enquanto ele dirigia, parou o carro num hot dog onde tomamos cada uma latinha de cerveja, fizemos um lanche leve e depois que eu e o Celso no refizemos, saímos novamente a andar sá que desta vez o Celso me comeu o meu cu e depois, esporrou gostoso na minha boca, foi uma noite maravilhosa e acabamos nem indo pro motel como tínhamos combinado. Agora iremos repetir daqui uns dias essa trepada dentro do nosso carro mas em um local com bastante movimento. Não vejo hora de repetirmos essa brincadeira. Meu msn é [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos menage inesperadoconto minha mulher aronbadaconto erotico minha esposa deu a mim e a meu pai na msm horacon erot vendo meus amigos estoura esposinhalutinha afilhada conto eroticofui dormir na casa da tia e comeu o Helenasofri no pau de outro contoconto picante com colegavi minha tia na cozinha fazendo comida não aguentei da sarrada na bunda dela caiu na p*****contos aempregada nordestinacontos eróticos nao deixavs eu chupar o anus delaconto erotico sequestro gostosoconto erotico colegial virgem sentindo desejonegrinha brinca com roupa de escostar homemfiquei bem machucada por fuder com cachorro enorme contos de zoofiliaconto gay me sentindo mulhercontos eróticos vendadacontos eroticos sou casada ,eu sobrinho pedrinho parte 4contos porno heteros'na adolecencia brincando de esconder meus amigos me comeram'conto erotico bebada e estuprada no carro frente ao meu maridominha delicia de filha me provoca contoscontos gays gemeoscontos eróticos de brigascontos eroticos sequestro eu e minha amigamulher se esfregandono travesseiro contoContos eróticos com fofos de incesto sentando na pica dura do meu irmaoesposa lesbica contoswww.xconto.com/encestonora dis que viu sogro de pau durocontos minha irmãzinha tinha mania de sentar no meu coloO dia que sequestrei minha neta conto eroticoxvideos minha matrasdo nu meu quato sexocontos tranzei com a minha colega,de trabalhoquero ver um conto erótico do garoto bombadão da escola do pau de jumento transando no banheiro com amigocunhadinha de 10 sem calcinha conto eroticona piscina com minha sogra contoso ajudante de pedreiro chupou minha rola quando eu tinha dez anosO pau que eu sempre quis contos eróticoscontos eroticos sou casada realizei o desejo do meu sobrinhotransei com amigo da minha filhacontos eróticos com vários homenspornosogrowww.contos eróticos gays a primeira vez com 24 anosnoiva putinha titio caralhudo grosso humilhado noivo corninho safado contos eroticosme curraram no baile funkcontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eroticos com a tiaconto farmaceutico me comeu touro estrupado uma. gostosa e ela fica muito esitadamomento papo de mÃe pornocontos de cú de irmà da igrejacontos fui estudar a noite que professoracontos eroticos coroa gritou de dor no cú casa da maiteconto erotico eu e minha sobrinha de menor no matinhocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casachupando o clitoris da minha cunhadacoroas de sainha curtinha mostrando obusetaocontos de podolatria sapatilha da excontos enrabado na saunacontos eroticos menina tomando.leite na colhermorena gostoza engatada com cachorro grande conto eroticocontos de coroa com novinhoContos eroticos assanhadasCoroas casadas trepando com novinhos contosvidio porno gay em hotéis ospede e garconconto porn fuderam minha mae e eu gritamos e gostamos muitocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos mais exitantes q ficamos exitadissimoscontos mae queria manma meu pausentei no pau do dog contosSou casada e fui comida pelo pedreiroduas loirinhas e ruPegando a prima logo cedo contoconto madrasta fudida a forçacontos eroticos minha esposa gosta de apostaContos gravidas incesto bicontos eróticos com mamãeMinha sobrinha pediu para eu dar um shortinho de lycra pa ela usa sem calsinha para mim contoscontos eroticos comi a velha beatapeguei minha sogra botei pra chora contoconto erotico eu era virgem mas o pau erafinoContos erotico menininha de nove aninhos violentadaconto erotico velha gorda desesperada por pirocacontos de coroa com novinhocontos porno heteros'na adolecencia brincando de esconder meus amigos me comeram'metendo na irmã dormindo boa f***conto erotico minha mae me ensinando a transarComtos mulher fodida pelo marido e o filhoSEDUZI MEU PADRINHO +CONTOSconto erotico gay coroa pirocudo do bar me levou pra casa dele e me arrombougostosa de olho bendada e trançadacontos eróticos gay depilação entre machosmulher batend sirica at espirarcontos eroticos hospital a tiacontos de vizinhos velhosurso velho peludo gay contostranzei cm minha prima contos estoricos contos casadas malandrascontos eroticos - alta grandona bunduda